6 erros que você não deve mais cometer em 2018

2017 terminou e nós do Vetus esperamos que seu no tenha sido bastante produtivo. Mas, ao analisarmos com atenção, sempre percebemos que poderia ser melhor, não é mesmo?

Por isso, fizemos uma lista de erros que a maioria dos pet shops e clínicas veterinárias cometem, muitas vezes sem perceber, e acabam prejudicando a empresa. Confira:

1) Falta de controle de fluxo de caixa

Para ter uma boa organização do fluxo de caixa, basta registrar todas as entradas e saídas de dinheiro.

Você pode dividir por setor (banho e tosa, clínica, loja, por exemplo) ou por seção (alimentação, acessórios, higiene, consulta, cirurgia, vacina, etc) para facilitar na hora de contabilizar o valor arrecadado no período. Desse modo, fica mais fácil de controlar os custos e despesas e evitar dívidas e empréstimos.

2) Falta de controle de contas a pagar e a receber

Se você não sabe as datas de vencimento das contas a pagar nem quando e quanto vai receber de cada cliente, administrar uma empresa vira uma tarefa impossível.

O controle destes prazos também ajuda a conter os gastos e elaborar despesas que são necessárias e que poderão ser pagas sem problemas.

3) Não controlar o estoque

Esta é uma das atividades mais importantes na gestão do pet shop.

Saber negociar preços com fornecedores, precificar produtos e serviços corretamente, não cair em falsas promoções, controlar tudo o que se compra se vende faz com que exista uma organização de estoque adequada.

Não esqueça de fazer a auditoria de estoque. O relatório pode indicar sugestões de compra, quantidade de produtos necessária e a média vendida no período.

4) Falta de empatia com o cliente

Se colocar no lugar do consumidor faz toda diferença na hora do atendimento.

Cada cliente entra no seu estabelecimento por um motivo. Alguns chegam com pressa, escolhem seus produtos e vão embora, outros demoram mais e andam por toda loja, tem os que gostam de conversar e pedem indicações, entre outros perfis.

Cabe a sua equipe, desde a recepção até os veterinários, observar o cliente e saber o que ele deseja e qual a forma mais eficiente de atendê-lo. Saber ouvir o consumidor evita muitos erros de comunicação e mal entendidos.

É interessante treinar seus funcionários sempre que possível para que eles aprendam novas técnicas, fiquem atualizados sobre o mercado que estão inseridos e apresentem um desempenho cada vez mais satisfatório.

5) Má gestão de tempo

Quantas vezes elaboramos todas as tarefas que precisamos realizar e no final do dia não conseguimos fazer nem a metade?

Por conta da rotina agitada da clínica e do pet shop, muitos imprevistos podem acontecer e algumas atividades importantes são deixadas de lado.

Para acabar com esse problema, existem muitas técnicas de produtividade simples que podem te ajudar a entregar resultados no prazo estabelecido.

6) Não ter um planejamento estratégico

Pode ser que você não cometeu nenhum destes erros apontados na lista, que seu 2017 apresentou uma ótima margem de lucro, as contas estão em dia e os funcionários treinados. Mas sem um planejamento estratégico o negócio não evolui e todo trabalho é desperdiçado porque todos os resultados gerados não são empregados em lugar nenhum.

O planejamento estratégico é onde são elaboradas as tomadas de decisão dentro da empresa. É necessário estabelecer um objetivo e todas as ações para que ele seja alcançado em determinado período de tempo.

ebook 109 dicas de gestão para pet shops - vetus

Esperamos que nossas dicas te ajudem a fazer de 2018 o melhor ano para sua empresa. E não para por aqui. Dá para aprender muito mais com o ebook 109 dicas de gestão para pet shops. Baixe agora!